terça-feira, 22 de dezembro de 2009

♥ Sentimento e Relacionamento ♥


Existem vários tipos de sentimentos e relacionamentos. Há relacionamentos entre pais e filhos, entre marido e mulher, de funcionário com empregado... Sentimento de amizade, de amor, de ódio, de rancor, de afeto, de carinho. ENFIM... Mas o que eu quero dizer HOJE é sobre o relacionamento conjugal, onde o sentimento de amor, de perdão, de companheirismo, de amizade...prevalecem.
Quero falar um pouquinho sobre o casal (tanto de namorados como de marido e mulher) que se amam e querem viver uma vida feliz e cristã.
Encontrar a pessoa certa - que corresponda exatamente a tudo aquilo que gostamos ou não de fazer e que entenda perfeitamente nossos sentimentos diante de uma situação contrária - pode parecer ideal, mas pouco provável. Cada pessoa tem uma resposta diferente para determinada situação. É necessário conhecer nossos limites e controlar as fraquezas de nossos temperamentos, pois só assim conseguiremos alcançar o equilíbrio nos nossos relacionamentos.
Eu estava assistindo a CANÇÃO NOVA agora pouco, no programa Trocando Idéias; e o tema de hoje era RELACIONAMENTO FAMILIAR. Me chamou muita atenção o que o RICARDO SÁ estava abordando. Ele compartilhava com os casais como é o relacionamento deles dentro de casa, e o que é essencial na vida de um casal. Percebi então que existem algumas coisinhas que são fundamentais no namoro, no casamento, na família...Como: O AMOR (o sentimento mais lindo que DEUS nos deu); o PERDÃO que é uma decisão que parte da nossa razão convertida, uma vez que não perdoamos estaremos sujeitos às más lembranças, sentimentos feridos e traumas que, além de trazer grande sofrimento – pior ainda: atrasam a nossa conversão. É necessário haver ORAÇÃO (tudo pode ser mudado pela força da oração). Algo muito importante e que eu tenho buscado bastante na minha vida pessoal é o AMADURECIMENTO; é preciso ter MATURIDADE para entender o outro e para escutá-lo. Ricardo de Sá disse algo hoje na CN que eu não me lembro perfeitamente, só sei que foi mais ou menos assim: Nossa maturidade nasce quando deixamos de querer ser AMADO, e passamos a QUERER AMAR. Achei isso muito bonito, pois na maioria das vezes cobramos muito o amor do outro; queremos que o nosso(a) companheiro(a) e amigo(a) imagine o que a gente tá pensando, e o que a gente deseja; e ninguém é obrigado a saber o que o outro quer sem que ele diga. É aí que entra uma outra coisa essencial no relacionamento que é o DIÁLOGO. Hoje em dias muitos casais não vão pra frente pois não conseguem dialogar com o outro. E dialogar não é só falar, é muito mais que isso, é SABER OUVIR; e como é difícil ouvir o outro, ouvir os seus problemas, suas dificuldades, ouvir até mesmo suas conquistas e vitórias.
E outras coisinhas também muito importantes são: A VERDADE,O RESPEITO, A FIDELIDADE E A CONFIANÇA. Acredito que a fidelidade está aliada à confiança, que está aliada ao respeito, que está aliado à verdade – os quais, juntos – exigem renúncias por parte daqueles que as valorizam. Sabemos que a ausência de uma dessas virtudes traz instabilidade e insegurança para a harmonia dos relacionamentos. Para justificar os atos de infidelidade, muitas novelas e programas de televisão tratam o assunto como se fosse algo comum, e na maioria das vezes atribuem à ausência de afeto, carinho e atenção como sendo os pivôs deste ato falho.
Devemos ficar bem atentos com um sentimento que não é nada bom, de uma vez que é bastante exagerado: O ciúme, que nos faz sentir incomodados com certas situações que anteriormente eram insignificantes, como, por exemplo, a atenção de um namorado para com a namorada, a beleza de uma amizade, o cuidado de um pai para com um filho, o sucesso profissional de um colega ou o reconhecimento de suas habilidades em determinada função, etc. O ciúme distrói bastante relacionamentos....

Este assunto é muito gostoso de falar, e se eu continuar escrevendo fico aqui até amanhã. (risos) Então finalizo dizendo que para alcançar um realcionamento saudável, feliz e na presença de CRISTO JESUS é necessário que haja: AMOR, PAZ, COMPANHERISMO, CONFIANÇA, DIÁLOGO, MATURIDADE, RESPEITO, e acima de tudo ORAÇÃO (que DEUS esteja sempre no meio dos casais, nos nossos realacionamentos, nas nossas famílias e nas nossas vidas).

"O amor verdadeiro traz a cumplicidade e o compromisso pela felicidade mútua. Ainda que possamos sentir, em alguns momentos, uma pequena dose de ciúmes, é necessário aprender a lidar com as nossas inseguranças. À medida que vamos conquistando a autoconfiança, o respeito pelo espaço do outro, estaremos também cultivando a saúde dos nossos relacionamentos. Todo aquele que se dispõe a amar e a viver um bom relacionamento, zela pelos cuidados necessários para a sadia convivência com a pessoa amada. E isso não faz do outro objeto de sua pertença. Por mais que amemos a pessoa ao nosso lado, não temos o direito de posse da sua liberdade."


Deus abençoe e purifique os nossos sentimentos !

Fiquem com Jesus e Maria ♥

2 comentários:

  1. QUE isso eein amiigaa?
    ate arregassando nas palavras
    liindo demaissss

    ResponderExcluir